Márcia Lança

O local de onde vimos, a família que temos e a que escolhemos, os acidentes por que passamos, ou os riscos que tomamos. Afinal, o que é que nos define? É com esta questão que partimos à descoberta de Márcia Lança, no quarto episódio do Línguas de Gato. A performer e coreógrafa fala-nos sobre identidade e sobre as suas “vidas possíveis”, um conjunto de figuras inventadas por si, em papel. Serão alter-egos seus, ou hipóteses de vidas que nos alargam o horizonte? Esta é uma conversa que se vai desenrolando, assim mesmo, num gerúndio que Márcia já não utiliza, mas que está inscrito no seu ADN, e onde se fala sobre teatro, sobre nascer (literalmente), e sobre o que acontece quando nos perdemos.

Para ouvir no Spotify, Apple Podcasts ou Google Podcasts.


"Se não te perdes, é porque provavelmente não estás a viver as coisas. Estar perdido é a coisa mais constante que nós temos." Márcia Lança

Posts recentes

Ver tudo